Quinta-feira, 13 de Maio de 2004

Crónicas Barcelonistas 5 - Inventário do Apartamento

Foi necessário fazer um inventário do apartamento que aqui estou temporariamente a habitar em Barcelona. Deram-me uma folha com uma porrada de itens que deveria conferir antes da Nestlé assinar o contrato. Assim daqui a uns meses, quando abandonar o apartamento, os itens têm de se manter no Apartamento e de preferência intactos. Como não percebia metade dos nomes dos objectos que estavam na lista, lá pedi para me ajudarem a traduzi-los, pelo menos para Inglês. Mas a coisa complicou-se com tantas traduções e retraduções. Assim Nuria, que me estava a tentar ajudar nessas traduções, disse que iria buscar um pequeno dicionário de Castelhano - Português. Era pressuposto (gosto muito desta palavra) eu poder levar o dicionário para o apartamento de forma a este me poder ajudar na identificação dos referidos objectos. O problema é que o dicionário de pequeno não tinha nada, ainda era maior que o manual do projecto que tenho estado a ler. Assim ela resolveu ajudar-me a traduzir alguns dos objectos para eu não ter que andar a acarretar um dicionário ai duns 5 quilos.
O inventário era impressionante, para além das panelas, copos, talheres, e outras coisas normais neste tipo de inventários, tem outras coisas mencionadas que não lembra nem ao diabo, senão vejam: Candeeiros, Cama, Mesas de Cabeceira, Roupeiro, Ar Condicionado e até a Maquina de Lavar Louça e o Frigorifico que são encastrados. Estes gajos são desconfiados hem. Estou mesmo a ver-me, de frigorifico às costas a passar na Alfândega e o guarda da Alfândega a perguntar... Têm algo a declarar senhor?
Até me admira não estarem no inventário os 2 rolos de papel higiénico que se encontravam na casa de banho quando cheguei. Pelos vistos a fama dos Portugueses é grande.
Mas agora pensando melhor, o Roupeiro até que me dava jeito, com as obras na minha casa nova em Portugal, o roupeiro ficava a matar no meu quarto, e aquilo desmontado às peças... Ao fim de 8 meses já tinha o roupeiro todo em Portugal. Bem de facto será um assunto a rever mais cuidadosamente.
No dia seguinte a Nuria lá perguntou se eu tinha feito o inventário.
- Sim está tudo, verifiquei cuidadosamente e estava tudo. - Disse eu. É claro que lhe dei a folha conforme a tinha recebido, nem a tinha tirado da pasta Penso que ela deve ter desconfiado ao ver que eu não tinha nenhuma marcação na folha, nem um visto nem uma marca qualquer em cada item que indica-se a minha inventariação. Mas também não teve coragem de me dizer nada, "mirou de nuevo lá enorme listita" e deve ter pensado - "é melhor estar calada, senão este tuga ainda me crava para lá ir ajudar a fazer o inventário, já me chegou aturá-lo a traduzir os itens".
publicado por dancewalker às 18:38
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Invitation to connect on ...

. As minhas fotos no Flickr

. Boas Festas

. Jingle bell

. É Natal

. Que perguiça.

. Ovelhas telefónicas

. E agora em Portugal- Surf...

. Manobras na estação #3 - ...

. Manobras na estação #2 - ...

.arquivos

. Janeiro 2012

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Maio 2007

. Março 2007

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Junho 2006

. Março 2006

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds